yoshitaka kamano neil gaiman

Neil Gaiman disponibiliza conto inspirado em David Bowie

Fonte REVISTA GALILEU

Em sua última coletânea de contos, Trigger Warning, Neil Gaiman publicou uma história cuja referência pode ter passado despercebida aos leitores que não conhecem David Bowie: “The Return of the Thin White Duke” (“O Retorno do Magro Duque Branco” em português), em clara referência à canção de Bowie “Station to Station”, em que a frase aparece como um dos versos da música.

yoshitaka_kamano
A arte de “the return of the think white duke” (Foto: Reprodução / Yoshitaka Amano / Neil Gaiman)

Nessa história, conhecemos o “mito criador” de David Bowie, de forma sutil e etérea (ainda que o autor tenha chamado de ‘fan fiction’ em seu site). As referências são claras: além do verso que virou título do conto, Gaiman homenageia o cantor britânico falando que o “Duque” criava estrelas, um elemento bastante presente na obra de Bowie. Os traços do personagem, ilustrados por Yoshitaka Amano (que trabalhou em parceria com Gaiman) também não deixam dúvidas:

yoshitaka_amano
Traços de Bowie foram usados como inspiração. (Foto: Reprodução / Yoshitaka Amano / Neil Gaiman)

Não é a primeira vez que Bowie vira personagem do autor britânico. Gaiman já o homenageou em Sandman, emprestando seus traços a Lucifer, Príncipe do Inferno:

david_bowie
David Bowie como Lúcifer em Sandman (Foto: Reprodução / Sandman / Kelley Jones e Neil Gaiman)

Você pode ler a história na íntegra, em inglês, aqui.

Comente aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s